quinta-feira, 18 de setembro de 2008

História da Arte - Linha do Tempo

LINHA DE TEMPO
PRÉ- HISTÓRIA:
-Período Paleolítico e neolítico;
-Primeiras manifestações artísticas, pinturas e gravuras encontradas nas paredes das cavernas.
ANTIGÜIDADE:
-Aparecimento da escrita que sucede até a queda do império romano.Período das grandes civilizações, como a Mesopotâmia, Egito, Grécia, e Roma.
Mesopotâmia:
Construções em adobes (tijolo preparado com argila crua e secado ao sol);
Também outros povos se desenvolviam ao mesmo tempo. (Pirâmides Quéops, Quéfren e Miquerinos)
Egípcio-
Grande civilização.Povo excessivamente religioso e místico, toda sua vida girava em torno da crença de que a alma voltaria a habitar o mesmo corpo.Monumentos funerários, religiosos. Lei do frontalidade.
Grécia:
Basicamente ligada aos templos (Colunas Dórica, Jônica e Coríntia).
-Buscavam no homem e na vida inspiração (padrão de beleza).
-Uso da figura geométrica ou cenas mitológicas.
-Teatro (arena).
Romanos-
Construções mais típicas são templos, basílicas, circos, teatros, anfiteatros, e aquedutos;
Decoração de paredes
Retratos.
ARTE MEDIEVAL:
-Deus centro do universo;
Arte Bizantina: mosaico
Românica: uso de rosáceas para facilitar a iluminação interna dos templos;
Góticos: teocentrismo atingiu seu apogeu, toda a vida do homem deveria ser voltada para o aspecto religioso e as igrejas deveriam tornar- se amplas e mais altas.




ARTE ACADÊMICA OU CLÁSSICA
-Do teocentrismo Medieval o homem avança para o humanismo e coloca- se como centro do universo.
-Descobre que existem outros povos que habitam o planeta;
-Surge a renovação artística e cultural.

RENASCIMENTO:
-Os artistas voltam a estudar o corpo humano, procurando perfeição e harmonia das formas, buscando inspiração nos Greco-Romanos:esculturas como a Pietá de Miguel Ângelo Buonarotti, Giotto é o percursor do renascimento, mas Leonardo da Vinci é considerado um dos maiores gênios da humanidade.

BARROCO:
-Foi utilizada em relação a arte porque os artistas não observam mais as rígidas regras estabelecidas no renascimento.
-No Barroco predomina o aspecto emocional, juntamente com o sentimento religioso.
-Abundância de detalhes,violentos contrastes de luz e sombra.

ROCOCÓ:
-É graça elegância, erotismo e inspiração mundana.
-Os pintores deste estilo usam pinceladas rápidas, leves e delicadas.
-O desenho é decorativo.
-As cores são claras e luminosas.
-Nus femininos.

ARTE NEOCLÁSSICA:
-Tendência artística e literária que surgiu em contraposição as idéias do Barroco e do Rococó.
-Este estilo representa a restauração ou reconstrução das formas artísticas da Antigüidade Clássica e Greco – Romana.

ROMANTISMO:
-Há a valorização do exótico, do pitoresco, do fantástico e do aventuroso.
-Delacroix é o expoente máximo da pintura romântica.
-Alto relevo, liberdade de composição,exuberância de cor vermelho, contraste de luz e sombra, pinceladas livres.

REALISMO:
-Surgiu contrapondo a idéia do romantismo.
-O avanço tecnológico fez com que os homens se voltassem para o real, concreto, ocientífico, o objetivo. Começa a surgir grandes edifícios de ferro, concreto e vidro,muito aço.
-desaparecem das pinturas os santos, histórias e literários.
-O pintor só pinta o que viu e o que está vendo.
-Artista: Rodin

ARTE MODERNA, PÓS- MODERNA E CONTEMPORÂNEA:
IMPRESSIONISMO: Pintura baseada nas diversas variações da cor da luz. Pintavam ao ar livre, procurando fixar em suas telas a luminosidade e a atmosfera do ambiente.
Artistas: Manet, Monet, Cézanne, Degas, Renoir.

EXPRESSIONISMO: Surge em oposição ao impressionismo e reflete a angústia e a instabilidade do período entre a primeira e segunda Guerra Mundial. Pintura deformada de imagens e da realidade, emocional, sentimental, utilizando temas como o amor, o ódio, a miséria, o medo, a solidão, a prostituição e outros.
Artistas: Van Gogh, Munch,

FOVISMO: Deformadores de imagens da realidade por isso em suas telas não produzem sentimentos, mas simplesmente sensações, impulsos vitais. É uma pintura que agride por suas cores fortes e quentes. O desenho e a forma estão em segundo plano.
Artista: Matisse

CUBISMO: Simplificação e geometrização da forma. Abandono da terceira dimensão. Trata as formas como se fossem cones, esferas e cilindros.
Artistas: Paul Cezann, Pablo Picasso, Mondrian.

ABSTRACIONISMO: É uma pintura cuja forma não possui qualquer relação com as imagens ou aparências da realidade exterior.
Artista: Kandinsk, Mondrian, Paul Klee, Duchamp.

DADAÍSMO: Pintura irracional, sem sentido, debochada, satírica. Reflete um espírito de insatisfação e tédio, pois surgiu num período de saturação cultural. Desordem duvida improvisação.
Artista: Duchamp

SURREALISMO: Sem preocupação estética ou moral baseia-se inteiramente no comando do subconsciente. Baseado no valores do sonho e suas associações.
Artistas:Dali, Miro, Picasso.

FUTURISMO: Pintura dinâmica, vertiginosa, compatível com a velocidade da era da maquina. Usam formas geométricas para dar movimento.
Artista: Duchamp

OP ART: Propõe participação ativa do contemplador na obra. Criação em série, simboliza o mundo precário.
Artista Vassarely.

POP ART: Evidencia o cotidiano, o comum. Exagero de formas para chamar atenção. Expressão do vulgarismo americano valorizando produtos fabricados e consumidos em massa.
Artista: Warhol

Resumo elaborado por profª Noeli

9 comentários:

Tatiane disse...

Achei ótima está linha do tempo, proporciona uma visualização rápida de como a arte vem se desenvolvendo.

Isabelle Antonelli disse...

Gostei Muito Dessa Linha Do Tempo Da Arte e bem resumida e muito boa . Gostei Muito

PAltiuno789 disse...

muito obrigado ajudou muito no meu trabalho de artes!!!!valeu

Unknown disse...

E muito bom quem fez essa linha do tempo ta de parabems valeu

Arnaud Alves da Silva Junior disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Meire Macêdo disse...

Olá professora,
Achei muito proveitosa a síntese da sua pesquisa!
Vou utilizá-la com os meus alunos, porém, darei os créditos ao seu trabalho.
Me ajudou bastante!
Muito obrigada!
Muita paz e muita luz no seu caminho!
Meire de Brasília

Unknown disse...

Obrigada professora Noeli, esse resumo está bastante claro e objetivo, me ajudou muito a situar cada época dos movimentos artísticos.

Anair Silva disse...

Ótimo resumo! Gostei!

João Gabriel Soares disse...

boa tarde,

apenas um erro, na arte românica não haviam vitrais, essas igrejas eram templos rochosos, quase sem janelas. já nas catedrais góticas, estas sim possuíam as rosáceas.

beijos